Excelência da ilha

on May 1, 2020 in Piloto Automático | No Comments

A Barbeito é um dos mais inovadores produtores de vinho Madeira. Uma casa surpreendente.

Mário Barbeito Vasconcelos fundou uma empresa de vinhos Madeira logo a seguir à II Guerra Mundial, época arriscada para aventuras comerciais. O que é certo é que a Vinhos Barbeito singrou e mantém até hoje o legado através da terceira geração, que em 1989 abriu uma garrafeira de referência no centro do Funchal, a capital da ilha. A empresa acolheu sócios japoneses nos anos 90.

Ricardo Diogo Freitas, neto do fundador e um dos administradores, é um produtor dinâmico e inovador. Não se coíbe de se perder entre as pipas para provar vinhos, tentar novas experiências, apresentar criações que entusiasmem os enófilos. Comemora 30 anos de carreira.

Recentemente lançou novas colheitas de Madeira, mas também a do seu Verdelho Reserva, que já vai na segunda edição. Nos Madeira foram apresentados o Bastardo Duas Pipas Meio Seco; o Single Harvest Tinta Negra 2008 Meio Seco; o Malvasia 2005; o Sercial 1993 Frasqueira; o Verdelho 1995 Frasqueira e, por último, o Malvasia 50 anos O Japonês. O Verdelho Reserva branco acabou por se destacar na prova pela originalidade, já que é o único vinho de mesa, ainda por cima de grande qualidade. Este Verdelho tem um nariz delicado e fresco, complementado com apenas 9% de Sercial. O seu aroma é citrino e tropical, revelando na boca uma salinidade muito original, característica usual de vinhos elaborados com uvas de vinhas junto ao mar, umas a norte (de maior acidez) e outras a sul da ilha (mais maduras). Ricardo promete continuar a surpreender. Pelo andar da carruagem, acreditamos que sim.

vinhosbarbeito.com

 

por Maria João de Almeida

Arquivos

web design & development 262media.com

A UP Magazine colocou cookies no seu computador para ajudar a melhorar este site. Pode alterar as suas definições de cookies a qualquer altura. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.